Avaliação de dois componentes protéticos angulados de 30º e 45º em novo desenho de implantes zigomáticos cone Morse. Análise de elementos finitos

Aluno(a): Jorge Valenga Filho
Orientador(a): Prof. Dr. Luís Eduardo Marques Padovan
Área: Implantodontia
Ano: 2019

Foram avaliados componentes protéticos angulados de 30º e 45º sobre implantes zigomáticos retos de 45mm cone Morse através da análise de elementos finitos. Para tal, um modelo 3D de maxila atrófica foi desenvolvido a partir de uma tomografia computadorizada de feixe cônico (TCFC) e envolveu dois grupos: Grupo 1: dois implantes zigomáticos cone Morse, um no lado direito e o outro no lado esquerdo dessa maxila, sobre eles foram instalados dois mini pilares angulados de 30º. Na região anterior dessa maxila foram instalados 4 implantes convencionais cone Morse e mini pilares retos. Grupo 2: apenas os mini pilares sobre os implantes zigomáticos foram mudados para 45º. Com força sobre a barra observamos tensões com maiores concentrações no rebordo alveolar, áreas disto palatinas dos implantes zigomáticos e faces distais dos mini pilares angulados, porém com picos abaixo do escoamento do titânio. Concluiu-se que ambos os componentes protéticos permitem reabilitação com implantes zigomáticos.

Palavras-chave:: Maxila atrófica; análise de elemento finito; implante zigomático; pilar angulado

DOWNLOAD