Os cirurgiões-dentistas Laura Conte e Douglas Visconti Gonçalves: prática aliada à teoria é o grande diferencial da Ilapeo.

Ilapeo conclui mais um curso de aperfeiçoamento

06/04/2018

A Faculdade Ilapeo encerra nesta sexta-feira mais um curso de aperfeiçoamento em Prótese Fixa. Durante dez meses os cirurgiões-dentistas tiveram contato com as recentes e inovadoras técnicas e procedimentos restauradores. Além de trabalhar com próteses fixas convencionais, os alunos também conheceram novos materiais, procedimentos estéticos e o sistema CAD/CAM.

Esse sistema consiste em uma tecnologia utilizada para realizar o desenho e a manufatura de próteses. Ele auxilia o profissional a ter mais previsibilidade e assertividade no procedimento. O coordenador do curso e Doutor em Reabilitação Oral pela Universidade de São Paulo (USP), Vitor Coró explica que o sistema, por meio de um scanner, faz a leitura ótica da boca ou modelo que é enviado para uma máquina que reproduz as próteses e estruturas. “Com isso também há uma melhor adaptação e sucesso do tratamento ao longo prazo”, diz Coró.

Além de apresentar as inovações do setor, o curso de aperfeiçoamento da Ilapeo tem como característica as atividades clínicas, com aprendizado prático em quase todas as etapas. “E isso foi muito importante para a formação, pois em cada módulo tivemos a chance de vivenciar a prática aliada à teoria”, comenta o cirurgião-dentista Douglas Visconti Gonçalves, de Belo Horizonte (MG). 

A cirurgiã-dentista Laura Conte, de Joaçaba (SC), também destacou a importância da prática no curso, bem como, a estrutura da instituição e qualidade do corpo docente. “Os professores têm muita experiência e apresentaram novidades em cada módulo, o que contribuiu para a excelência do curso”, disse.

O próximo curso de aperfeiçoamento em Prótese Fixa inicia dia 26 de abril, com aulas nas quintas e sextas-feiras. Mais informações e inscrições, clique aqui.